Bahia confirma 13 casos de Covid-19; veja como se previnir

Notícias |


Na manhã desta terça-feira (17), a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia informou que há 13 casos de contaminação pelo novo coronavírus, no estado. Já o Ministério da Saúde (MS) divulgou que o Brasil registra 234 pessoas com a doença, que ainda não provocou nenhuma morte no país. A covid-19, na maior parte dos casos, se apresenta como uma gripe. Mas, para o grupo de risco, pode ter complicações mais sérias. Informe-se abaixo sobre os fatos acerca do vírus.

 

O QUE É CORONAVÍRUS

A doença respiratória provocada pelo novo coronavírus (Sars-Cov-2) é oficialmente chamada de covid-19, sigla em inglês para “coronavirus disease 2019” (“doença por coronavírus 2019″, na tradução). O quadro pode variar de leve a moderado, semelhante a uma gripe. Em pessoas idosas, diabéticas, hipertensas, com insuficiência renal ou doença respiratória crônica (como asma, por exemplo), as complicações decorrentes da covid-19 podem ser mais graves. Em casos extremos, pode levar a óbito.

 

TRANSMISSÃO

A transmissão dos coronavírus costuma ocorrer pelo ar ou por contato com secreções contaminadas, como saliva, espirro, tosse, contato pessoal próximo (toque ou aperto de mão, por exemplo) e contato com superfícies contaminadas, seguido de contato com a boca, nariz ou olhos.

 

SINTOMAS

Os principais sintomas são febre alta, tosse seca, dificuldade para respirar e cansaço. Parte das(os) pacientes pode apresentar dores, coriza e diarreia. Mas a doença também pode ser assintomática, ou seja, a pessoa pode estar infectada pelo vírus, mas não apresenta sintomas; portadores sem sintomas são responsáveis por dois terços das infecções. O MS estima que pacientes mais jovens são mais passíveis de não apresentar qualquer sinal da doença.

O que ajuda no diagnóstico é saber se o indivíduo com esses sintomas visitou uma região onde há transmissão intensa do coronavírus 14 dias antes de os sintomas surgirem. Ou se entrou em contato com algum caso suspeito ou confirmado de covid-19. Caso contrário, é mais provável que esteja sofrendo com uma gripe.

 

PREVENÇÃO

1- Lave as mãos frequentemente com água e sabão e use antisséptico de mãos à base de álcool gel 70%

2- Cubra o nariz e a boca ao tossir ou espirrar com o braço ou, preferencialmente, com um lenço descartável

3- Evite sair de casa se estiver doente

4- Limpe e desinfete objetos e superfícies tocados com freqüência

5- Mantenha os ambientes bem ventilados

6- Não compartilhe objetos pessoais

7- Evite tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas

8- O uso de máscara é recomendado para quem já está com alguma infecção respiratória ou em locais de surto intenso.

 

TRATAMENTO

Não existe tratamento específico para infecções por coronavírus humano. Segundo a Organização Mundial da Saúde, 80% das pessoas se recuperam sem precisar de tratamento especial. É indicado repouso, consumo de bastante água, medicamentos antitérmicos e analgésicos (com recomendação médica) e umidificador de ar. Na Bahia, os casos graves devem ser encaminhados ao Instituto Couto Maia, hospital de referência estadual para isolamento e tratamento do novo coronavírus.