Organizado por Margarida Gandara Rauen (Margie), já está a venda nas livrarias da EDUFBA o livro “A interatividade, o controle da cena e o público como agente compositor”

Notícias |
Tags: , , ,

a-interatividadeJá está a venda nas livrarias da EDUFBA o livro “A interatividade, o controle da cena e o público como agente compositor”, organizado por Margarida Gandara Rauen (Margie), publicado pela Editora da Universidade Federal da Bahia.

A relação entre público e artista não é uma temática propriamente contemporânea. Experiências testadas desde o começo do século XX vêm discutindo estratégias de aproximação, cumplicidade e co-autoria. A história da performance é particularmente marcada por esse desafio, uma vez que sempre buscou representar aquilo que a vida tem irrepresentável, desde estratégias shamânicas a ritos envolvendo novas tecnologias.

Este livro, além de viabilizar o cotejamento de processos criativos, poderá estimular mais pesquisas sobre as temáticas de interatividade nele articuladas. Longe de fechar sentidos, o livro não pretendeu proporcionar respostas definitivas a nenhuma questão, mas provocar, problematizar e mediar interpretações, abordando a arte como um ambiente de encontros e trocas, onde objetos e propostas preexistentes podem ser reorganizados e compostos em continuação.

“Estamos diante de uma importante publicação que não só apresenta, a partir do olhar dos próprios artistas, mas também pensa de modo abrangente e pertinente, a crescente cena da arte relacional, e assim diminui a lacuna de publicações brasileiras acerca desta temática”

Stepahn Baumgärtel

Número de Páginas: 247

Preço: R$ 25,00